Corrida para conversão ao GNV

Setor aposta que restituição do IR, 13º salário e desconto do IPVA elevarão procura a convertedoras em dezembro

Rio - A conversão de veículos leves para o Gás Natural Veicular bateu novo recorde em outubro e aumentou expectativas para dezembro, motivada pelo desconto de 75% no IPVA, além de rendas adicionais do mês, como restituição do Imposto de Renda e 13º salário. O Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis registrou 4.481 conversões no Estado do Rio em outubro.

Foto: Felipe O'Neill / Agência O DIA
O taxista Antônio Ferreira economiza até 40% por viagem com o GNV

Diretor-executivo do Sindirepa (Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios), Celson Matos acredita que, no próximo ano, a conversão para o GNV vai bater importantes recordes: “As incertezas do início do ano não se confirmaram. Tivemos queda no número de conversões. Mas o segundo semestre tem apresentado resultados positivos. Outubro foi mais um mês de recuperação”.

Segundo Matos, a conversão custa entre R$ 1.900 e R$ 2.300. Ele defende que o retorno do investimento é rápido, já que o GNV custa 55% abaixo do preço do litro do álcool: “Se o motorista roda 100 Km por dia, ele vai pagar R$ 10 com o GNV e R$ 25 com o álcool”.

O taxista Antônio Ferreira, 48 anos, já sentiu o alívio no bolso e recomenda a conversão. “Economizo 40% por viagem e indico para todos os motoristas que rodam muito”, diz.

METAS DE GÁS NATURAL

Nove municípios serão beneficiados com o gás natural em 2010. A CEG vai abastecer os municípios de Mangaratiba e Maricá. Já a CEG Rio acredita que vai cumprir a implementação em Angra dos Reis, Cachoeiras de Macacu, Itatiaia, Paraíba do Sul, Quissamã, Rio das Flores e Saquarema.

Cadastre seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!
Nome:
E-mail:
E-mail:
Senha:
2018 - Central de Inspeções Veiculares - Todos os direitos reservados - Criação de Sites - RS